Prévia das prévias

Sonia Racy

27 de março de 2012 | 01h08

Além de FHC,  Sérgio Guerra também defende prévias em 2014. Anteontem, na Câmara paulistana, o presidente do PSDB revelou que, para tanto, está organizando o cadastro nacional de militantes. “Sem a atualização, as prévias são irreais. O exemplo aqui em São Paulo foi excelente.”

Aloysio Nunes também aprova a ideia. Aécio aceitaria? “Acho que sim”, disse. E Serra? “Como assim? Ele ficará na Prefeitura até o fim”.

Prévias 2

Embaraço na hora da divulgação do resultado das prévias. Tripoli e Aníbal tiveram de esperar entre os militantes antes de subir ao palco. “Um absurdo”, reclamou o primeiro.

Já todos no palco, aguardando o veredicto, Nunes, corintiano roxo, só queria saber do jogo Palmeiras e Corinthians. E na falta de Serra a seu lado, resolveu provocar um assessor do palmeirense: “Vê aí quanto tá!”.

Prévias 3

Não será fácil unir os tucanos. Militante pró-Aníbal interrompeu discurso de Julio Semeghini, do PSDB municipal, para pedir que o vice também seja do partido.

Por quê? Edvaldo Oscar, do diretório de Vila Matilde, explicou: “Depois ele sai e entrega a Prefeitura para o turco…”

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: