Prevenidos 

Sonia Racy

01 de novembro de 2015 | 01h15

Os bancos se anteciparam à aprovação da CPMF. Já estão reformulando o sistema tecnológico para adaptá-lo à cobrança do imposto – uma tarefa para cinco meses.
Mas não bastava acionar o sistema usado até 2007, quando a contribuição foi extinta? Não, porque ele hoje “não conversa” mais com a atual configuração.

Tendências: