Prefeitura quer privatizar logo o mercado de Santo Amaro

Sonia Racy

17 Dezembro 2017 | 01h10

Está na Câmara, pronta para tramitar, a concessão do mercado municipal de Santo Amaro – e a Secretaria da Desestatização municipal avisa que quer “entregar o quanto antes” o local.

O que significa primeiro recuperá-lo do incêndio que o atingiu em setembro.  E que forçou alguns vendedores a improvisar suas barracas em áreas do estacionamento próximo.

Leia mais notas da coluna:

Meirelles decide candidatura até março ou abril

Para deixar a cela, Marcelo Odebrecht ainda tem papéis a entregar