Prefeitura de SP avalia reabertura dos parques nos finais de semana

Sonia Racy

02 de agosto de 2020 | 00h50

PARQUE DO POVO – FOTO: NICOLAS CALLIGARO

A Prefeitura de SP está avaliando a reabertura dos parques também nos finais de semana – hoje todos permanecem… fechados. E também prevê a reabertura do restante que segue interditado. Dos 108 parques municipais, apenas 70 foram reabertos de segunda a sexta.

Em todos, é obrigatório o uso de máscara e há contagem de pessoas.

Apenas o Ibirapuera e o Parque do Carmo têm sanitários abertos e com… sabão líquido (além do álcool em gel dispostos em todos).

Em 16 dias desde a reabertura, no último dia 13, eles estão com alta visitação. O Ibirapuera é o campeão, como se esperava, com 147.026 mil frequentadores, seguido do Carmo (42.084), Aclimação (29.787), Independência (24.330) e o da Luz (20.525). Já o Parque do Povo recebeu 12.657 pessoas.

E quanto à Praça Por do Sol, pega “no flagra” em abril com aglomeração? Segue fechada com tapumes mas… a reabertura está sendo avaliada.

Existe amor

As expressões mais procuradas no Google Tradutor continuam sendo, na pandemia, “eu te amo”, “como você está?” e “obrigada”, segundo Suzana Apelbaum, diretora criativa do Google.

A publicitária brasileira, que vive em NY,  participou na última quinta-feira do Fórum E-commerce Brasil – pela primeira vez 100% online.

Iron men

Alexandre Birman, que sempre comemorou seu aniversário com festa, impôs a si um novo compromisso – tirado de suas reflexões na pandemia. Todo 1º de agosto ele vai correr o equivalente a sua idade e doar igual número à entidade beneficente. E já começou ontem, quando correu 44 km e doou R$ 44 mil. O desafio pessoal vai até seus 50 anos.

Cozinha do bem

O Basque Culinary World Prize 2020 conferiu menções especiais a dois brasileiros:

David Hertz, da Gastromotiva – pelo seu trabalho no combate à fome e desperdício de alimentos no Brasil e no México. E Mariana Aleixo – programa Maré de Sabores – que montou oficinas culinárias e bufê empregando mulheres das comunidades.

Este ano, a premiação levou em conta ações na pandemia. O vencedor foi o espanhol radicado nos EUA, o chef José Andrés, criador da organização World Central Kitchen.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: