Prefeito que fez lockdown fala da dificuldade de conseguir oxigênio medicinal

Prefeito que fez lockdown fala da dificuldade de conseguir oxigênio medicinal

Sonia Racy

19 de fevereiro de 2021 | 00h50

Edinho Silva. Foto: Celio Messias/Estadão

Edinho Silva, prefeito de Araraquara, disse à coluna que não queria ter sido o primeiro prefeito a fazer lockdown mas que o elevado número de casos de jovens sem comorbidade sendo internados por causa da covid-19 estava assustando, e os leitos são insuficientes.

Ele frisa que a cepa de Manaus está na cidade e houve prenúncio de colapso no sistema de saúde local.

Gargalo 2

O governo do Estado liberou verba para criação de mais leitos. Silva, porém, está com dificuldade de encontrar usina para produção de oxigênio medicinal. “Os cilindros têm que ser alocados em 40 novas vagas em UTI e mais outros 30 em enfermarias”.

Consultada

Ana Carla Abrão, colunista do Estado, passa a integrar o Comitê Executivo Global da Oliver Wyman – uma das consultorias de estratégia mais renomadas do mundo.

Conexão Pequim

O Ano Novo Chinês – tradicional festa paulistana – não será comemorado na Praça da Liberdade pela primeira vez em 16 anos. O ano de 2021 é o do Boi Metal – que promete estabilidade e superação.

Com transmissão pelo canal do YouTube da Associação de Amizade Brasil-China. Neste domingo.

Pequim

Cada ano é dedicado a um animal do zodíaco chinês. Em 2020, encerrou-se o ciclo representado pelo… rato.

Leitura guiada

O Memorial da América Latina recriará o Clube de Leitura Ler a América Latina. E escolheu o tema Mulheres Contam para recomeçar o projeto.

Nessa edição, dia 13 de março, haverá participação das autoras que falarão sobre seus trabalhos e, na sequência, haverá uma roda de conversa virtual.
O primeiro encontro está programado com a escritora boliviana Giovanna Rivero.

Vida de bailarina

Sem pode usar os palcos, Claudia Mota, primeira bailarina do Theatro Municipal do Rio, resolveu interagir com o público de forma diferente.

A artista vai lançar, em seu perfil do Instagram e canal do YouTube, a atração “Diário da Bailarina”, em que apresentará a rotina e as curiosidades da vida corrida de uma bailarina.

Bailarina 2

O primeiro episódio está previsto para março e tem como tema os tutus usados em grandes espetáculos, como O Lago dos Cisnes e O Quebra Nozes.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.