Pós-venda

Sonia Racy

18 de novembro de 2011 | 23h05

Tem cliente indignado com a Gafisa. Comprou apartamento de R$ 3 milhões em Moema e está sendo cobrado a pagar taxas para entrega de chaves e pelos equipamentos de automação. A Gafisa explica estar no contrato. Já o cliente mostra anúncio feito à época.

Indagados, Idec e Procon dão razão ao comprador.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: