Pós-tempestade

Direto da Fonte

12 de dezembro de 2012 | 01h05

Após as revelações de Marcos Valério sobre Lula, ministros do STF ouvidos pela coluna, ontem, aguardavam ansiosamente os movimentos de Roberto Gurgel– que submergiu.

“A bola está com o MP”, declarou Marco Aurélio Mello. “Confio nele. Se ainda não fez nada é porque não era o momento”, disse outro magistrado.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.