…português, pode

Sonia Racy

13 de maio de 2011 | 23h06

Bolsonaro, entretanto, vai mais longe: “Acho que dá para fazer piada com judeu como se faz com português. O que não pode é pegar um fato histórico em que morreram milhões. É como brincar com as vítimas das Torres Gêmeas”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.