Portuga

Sonia Racy

04 de agosto de 2011 | 23h02

Antonio Grassi, da Funarte, viaja em setembro para Lisboa. Vai visitar, entre outros, o Instituto Camões, na tentativa de viabilizar o Ano do Brasil em Portugal, previsto para 2012.

Como a crise portuguesa andou ameaçando o evento, Grassi pretende otimizar algumas estruturas brasileiras em Lisboa, como o Rock In Rio: “Já marquei reunião com o Roberto Medina. Quero usar a infra dos shows para nossos espetáculos ”, contou à coluna anteontem.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.