Pianíssimo

Sonia Racy

05 de setembro de 2011 | 23h05

Arnaldo Cohen não levou boas lembranças de São Paulo. Domingo, em Congonhas, no portão 34 da Gol (exclusivo a passageiros Smiles), o pianista fazia check-in para embarcar rumo a Belo Horizonte, quando percebeu que sua bolsa de mão havia sido furtada. Conteúdo? HD com vídeos e áudios de seus concertos, óculos, partituras…

Parece que nenhuma câmera da Infraero flagrou o ladrão.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: