Perdas e danos

Sonia Racy

13 Julho 2012 | 15h54

Jovem paulistana vai à Justiça cobrar da Anvisa R$ 100 mil por danos materiais e morais. Ela interrompeu intercâmbio no exterior para trocar prótese de silicone, da marca PIP – empresa agora falida.

Seu advogado, Rogério Damasceno Leal, do V,M&L, argumenta omissão da agência por não promover a saúde da população.