Pela ordem

Sonia Racy

28 de fevereiro de 2015 | 01h06

Gilberto Natalini, do PV, entrou ontem com duas representações no MP contra a Prefeitura. Uma pede que seja apurada eventual prática de crime na grafitagem dos ‘Arcos do Jânio’, baseando-se em lei que prevê que patrimônio tombado não pode ser destruído ou perder sua integridade. Na outra, o vereador questiona os “gastos excessivos” na implementação das ciclovias.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: