Pedro Guimarães, da Caixa, convoca 200 funcionários cedidos para outros órgãos

Sonia Racy

24 de novembro de 2020 | 00h40

PEDRO GUIMARÃES. FOTO: JOÉDSON ALVES/EFE

PEDRO GUIMARÃES. FOTO: JOÉDSON ALVES/EFE

Depois de dois anos sob gestão de Pedro Guimarães, a Caixa está chamando de volta ‘pra casa’ pouco mais de 200 funcionários cedidos para ministérios, estados e prefeituras. 

Na teoria, segundo se apurou, as cessões tem limite de dois anos de prazo. Mas as gestões anteriores simplesmente ignoraram a regra.  

Foram encontradas pessoas que estão “emprestadas” há … 25 anos. Sequer quem os empregava sabia que eram concursados do banco. 

Médio e miúdo  

O BNDES dá novo passo como produtor de conteúdo, lançando agora, em dezembro, a websérie “Desafios de empreender”, com histórias reais de superação daqueles que Gustavo Montezano vem chamando de “heróis nacionais”. 

Além de apresentar casos de empresários espalhados por todo País, a série trará especialistas do banco e de agentes financeiros parceiros para ajudar… pequenos e médios empresários.  

Libertas  

Surge uma nova entidade de representação judaica, que quer ter voz e ser apartidária, sem se opor a qualquer outra já existente.  

Idealizada e fundada por Marcelo Knopfelmacher, Fabio Wajngarten e Frederico Braun D’Avila, a Associação Judaica Apartidária do Brasil está com seu estatuto social sendo finalizado e já conta com… quase 50 membros de peso da comunidade judaica.  

PPP 

Sai o primeiro chamamento público para implementar o Parque Linear nas margens do Rio Pinheiros – abrange trecho da sede do Pomar Urbano até a Ponte Cidade Jardim.  

A vencedora – só as Organizações da Sociedade Civil podem participar – será responsável pelos custos de implantação, operação e manutenção do parque.

PPP 2 

Em 2021, está previsto chamamento do trecho entre Cidade Jardim e CPTM.  

Libertos? 

Em janeiro, para sua estreia na TV Cultura, os integrantes do Manhattan Connection escolheram a… cobertura da posse de Biden nos EUA, no dia 20. O programa exibiu sua última edição na Globonews domingo.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: