Pedra…

Sonia Racy

21 de maio de 2014 | 01h07

O PT admite que o baixo índice de aprovação de Haddad vai atrapalhar a campanha de Padilha. Mesmo assim, decidiu não esconder o prefeito na corrida eleitoral. “A campanha será boa para que Haddad mostre o que já fez pela cidade”, diz um grão-petista.

…no caminho?

E mesmo sendo a preferência de Lula, o partido já jogou a toalha: acredita que não conseguirá um nome do agronegócio para a vice de Padilha. Vale lembrar: o PT já ouviu três ‘nãos’: de Maurílio Biagi, Roberto Rodrigues e João Sampaio.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: