Paulo Gandra

Paulo Gandra

Redação

23 de novembro de 2008 | 06h00

Foto: divulgação


Ele tem apenas 25 anos, mas já tem história. Logo cedo, vendeu sua guitarra para comprar uma câmera. Depois, foi direto para Londres, onde começou a trabalhar com filmes independentes. Hoje, o diretor integra a equipe da Dínamo Filmes e já tem no currículo um Leão de Prata. Seu filme institucional, Teste, produzido para a instituição beneficente Casa do Zezinho, foi premiado em Cannes e no Festival de Publicidade El Ojo de Iberoamérica.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.