Para lembrar

Sonia Racy

05 de julho de 2014 | 01h04

A posse de Ricardo Lewandowski na presidência do STF repetirá dobradinha que existiu no TSE, em 2010: ele no comando, Cármen Lúcia como vice. A expectativa é de uma relação bem diferente da Lewandowski-Barbosa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.