Para jurista, prisão é pedido desproporcional

Sonia Racy

08 de junho de 2016 | 00h38

Não chega a entusiasmar o ex-presidente do STF Carlos Velloso a iniciativa, atribuída a Rodrigo Janot, de mandar prender Sarney, Renan e Jucá, por tentarem obstruir a Justiça.

“Não me parece proporcional. Se tentativa houve, é coisa que já passou e em nada prejudicou os procedimentos da Justiça”, ressalta.

E, quanto à tornozeleira sugerida para José Sarney, o jurista resumiu: “Não é assim que se trata um ex-presidente.”

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: