Para 2016

Sonia Racy

06 Dezembro 2014 | 01h01

Ziriguidum ecoando nas quadras, um assunto bate à porta de Fernando Haddad: a Fábrica do Samba. Orçada em R$ 126 milhões – e pelo menos três vezes adiada –, deve ficar pronta só no fim do ano que vem.

A Prefeitura sugeriu à Liga das Escolas de Samba estrear um primeiro lote de barracões – mas elas preferem esperar e se mudar todas juntas.