Paixão por voar

Sonia Racy

17 de abril de 2012 | 01h03

Fernando de Arruda Botelho, que morreu sexta, ao fazer looping com seu avião sobre sua fazenda, – coisa que amava –, dizia sempre que nascera predestinado a voar. E se divertia assinando…FAB.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.