Outro lado

Sonia Racy

10 de julho de 2014 | 01h05

A Fiesp rebate informação publicada ontem nesta coluna. Diz que enviou 18 solicitações à Artesp, em 2011, mas que ela só tornou públicos os contratos originais em 2013. E acrescenta: pediu e não conseguiu aditivos e atualizações de contratos antigos.Só teria sucesso em 2014. E, mesmo assim, por meio da Lei de Acesso à Informação.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: