Ordinary people

Sonia Racy

02 de abril de 2010 | 07h00

Os donos do Amaranth – coincidentemente um francês e uma italiana – não queriam deixar o presidente da França pagar a conta. Carla e Sarkozy insistiram, transformando o que deviam em caixinha para os garçons do restaurante.

O casal estava com três amigos e duas crianças. E… ninguém mais. Nem um só segurança.