Onça com turbina

Redação

23 de novembro de 2008 | 06h00

A onça pintada, o boto e o tamanduá-bandeira agradecem. A licença dada sexta-feira pelo Ibama para as obras da Usina de Santo Antonio, no Rio Madeira, obriga o consórcio construtor a financiar pesquisas para defesa dessas espécies ameaçadas.

O consórcio terá também de “adotar” a reserva biológica de Cuniã, em Rondônia.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.