Olhando com lupa

Sonia Racy

05 Dezembro 2014 | 01h15

Pelo fato de Pedro Barusco ter sido, por um ano, diretor de operações da Sete Brasil – primeira empresa brasileira proprietária de sondas de exploração de águas ultraprofundas –, o conselho de administração decidiu.

Está, há algum tempo, auditando tudo o que foi feito por ele na empresa ou em nome dela.

Lupa 2

Barusco era funcionário da Petrobrás e foi citado na delação premiada de Augusto Mendonça e Júlio Camargo – ambos da Toyo Setal –, como operador do PT na estatal.