Obra de Portinari, avaliada em R$ 9 milhões, vai a leilão

Obra de Portinari, avaliada em R$ 9 milhões, vai a leilão

Sonia Racy

25 de janeiro de 2019 | 01h00

Vai a leilão, por valor recorde em se tratando de Cândido Portinari – a mais cara obra do artista plástico foi vendida por R$ 4 milhões – o quadro Flautista. Que é parte de um conjunto de pinturas retratando músicos, criadas entre 1956 e 1959.

O preço estimado por Rodrigo Brant, da Canvas Galeria de Arte – onde ocorre o leilão, dia 12 – é de R$ 9 milhões.

Ao lado de Portinari estão 115 obras de artistas como Antonio Dias, Cícero Dias, Di Cavalcanti, Tomie Ohtake, Pancetti, Carybé e um Antonio Bandeira que o próprio deu de presente a Jorge Amado.

Leia mais notas da coluna:
+ Em Davos, investidores querem saber da capacidade de executar propostas
Rua vira praça em Pinheiros e ‘estica’ aniversário de SP até dia 31

Tendências: