Obama e o cara: ainda novela

Redação

27 de outubro de 2009 | 08h11

Há um dramalhão mexicano para desenroscar antes da visita de Obama, ano que vem. Para começar, ele não virá sem que Hillary Clinton apareça antes – seria em dezembro – para pré-reunião com o Itamaraty. Hillary, por sua vez, está esperando as posses do novo embaixador americano Thomas Shannon e do novo subsecretário para Américas, Arturo Valenzuela.

Mas essas nomeações estão empacadas no Senado, onde os republicanos acham os dois “muito macios” no trato com Evo Morales e Hugo Chávez.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: