O xadrez das comissões da Câmara de Carla Zambelli, liderando Meio Ambiente, a Bia Kicis na CCJ

O xadrez das comissões da Câmara de Carla Zambelli, liderando Meio Ambiente, a Bia Kicis na CCJ

Sonia Racy

11 de março de 2021 | 00h30

Carla Zambelli. Foto: Dida Sampaio/Estadão

Deputados fizeram as indicações para as comissões da Câmara e seus líderes definiram ontem quais partidos presidirão as 25 comissões permanentes da Câmara – com base no critério da proporcionalidade partidária.

Pelo que se apurou, a “boiada” ruma à comissão de Meio Ambiente onde Carla Zambelli, do PSL, deve se sentar na cabeceira.

Trata-se da mesma deputada que acusou, em evento da ONU há dois anos, que foram as ONGs as responsáveis pelas queimadas na Amazônia.

Xadrez 2

Ex-procuradora do DF, alvo de inquérito no STF sob suspeita de organizar atos antidemocráticos, Bia Kicis foi eleita presidente da CCJ.

Em seguida, seu colega Silvio Costa Filho correu para ser o primeiro a parabenizar a deputada pelo posto. Ele está cotado para ser relator da PEC32, que trata da reforma administrativa.

Palco

Expoentes do PT acham que Lula fará de tudo para manter seu nome em evidência, mas que no fundo, ele não deseja mais ser candidato à presidência da República. Apostam que vai incentivar Fernando Haddad a continuar rodando o Pais.

Sinal verde?

Junior Bozzella, presidente do PSL estadual, classificou como “coerentes” as críticas de Lula a Bolsonaro no seu pronunciamento ontem. “Falou a verdade”, disse à coluna.

Luto

Um dia após a data oficial de um ano do anúncio de pandemia pela OMS – hoje – a USP, a Unesp e a Unicamp marcaram para amanhã ação conjunta em sinal de luto e em respeito às vítimas da covid-19.

Faixas pretas serão pendurarão em suas fachadas que exibirão também apoio à vacinação da população.

Luto 2

O movimento inclui ainda ato de repúdio a gestos e falas negacionistas.

Rodízio

Depois de duas gestões consecutivas, Inês Mindlin Lafer – dirigente do Instituto Betty e Jacob Lafer – recebe das mãos de Neca Setubal, a presidência do Grupo de Instituições e Fundações Empresariais.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.