O dono da dívida

Redação

09 Fevereiro 2010 | 08h54

Governo e concessionárias de serviços públicos não tiram o olho de processo que vai chegando aos finalmentes no STJ: o que define o repasse do PIS e da COFINS aos consumidores.

Iniciado por um usuário no Sul, o caso tende a tornar-se paradigmático, com a decisão valendo também para casos semelhantes em telefonia fixa, energia, gás e água. O que geraria um buraco, no Tesouro, de R$ 33 bilhões.

A votação no STJ está 4 a 1 desonerando… o consumidor.