O clone

Sonia Racy

15 de novembro de 2010 | 23h10

Não é só de erros no Enem que vive o Governo Federal. Maria Bonomi tomou um susto quando tentou votar no segundo turno das eleições. A gravurista, de 75 anos, descobriu que… haviam feito o serviço por ela. “Cheguei quase na hora de fechar a seção eleitoral, na escola Play Pen, em São Paulo. Quando fui à cabine, a urna acusou voto efetuado”, conta. Reclamou aqui, reclamou ali, e descobriu: outras pessoas da terceira idade passaram pela mesma situação.

Indignada, a artista não se deixou abater. E fez um registro formal no cartório eleitoral da Vila Sônia.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: