Nuvem cinza

Sonia Racy

24 de junho de 2012 | 01h04

A PF estava só esperando o fim da Rio+20 para voltar a pressionar o governo por aumento. A categoria desistiu de fazer protesto durante o evento depois de conversa com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.

Uma das principais queixas é a falta de uma gratificação para quem trabalha na fronteira

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.