Novela da Elétron, de Daniel Dantas, não terminou

Novela da Elétron, de Daniel Dantas, não terminou

Sonia Racy

27 Setembro 2018 | 00h55

DANIEL DANTAS

DANIEL DANTAS. FOTO: SERGIO CASTRO/ESTADÃO

Tem gente próxima à negociação em torno da briga na extinta Valepar jurando que, apesar de a Litel e a Bradespar terem assinado ontem acordo dando um fim ao imbróglio com a Elétron, de Daniel Dantas, a novela não terminou.

A empresa – que representa fundos de pensão de estatais – estaria procurando uma brecha jurídica para obrigar sua sócia Bradespar a pagar também a parte que lhe é devida, de R$ 1,4 bilhão. A Elétron vai receber R$ 2,8 bilhões.

Vale registrar que Daniel Dantas não quis esperar para ver o resultado de dois recursos que impetrou e estão para ser votados na 4.ª Turma do STJ.

Caso fosse vitorioso, receberia R$ 5,8 bilhões no total. Preferiu negociar o fim da briga judicial por metade do valor.

Leia mais notas na coluna:
Na contramão da crise, arrecadação do município já cresceu 10% no ano
Bruno Covas anuncia apoio a Covas Neto, do Podemos, para o Senado

Mais conteúdo sobre:

Daniel Dantas