Nova política

Sonia Racy

19 de novembro de 2013 | 01h07

Empresários agrícolas gostaram do que ouviram de Eduardo Campos, ontem pela manhã, em SP, na Sociedade Rural Brasileira. Além de falar sobre a Carta à Agricultura e a construção de uma ponte entre o setor e Marina Silva, Campos deixou claro à plateia de 40 ruralistas que não é do tipo que aposta em piora na economia brasileira como meio para facilitar sua candidatura à Presidência em 2014.

Pelo contrário: pediu aos presentes que não deixem a situação piorar.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: