Nora de Lula vira alvo de cobrança na Justiça cível

Sonia Racy

13 de fevereiro de 2019 | 00h50

Marlene Araújo Lula da Silva, nora do ex-presidente, virou alvo de cobrança na Justiça. Uma imobiliária entrou com ação cível em Rio Preto.

“A requerida deixou de honrar o pagamento das parcelas vencidas a partir de 30 de agosto de 2018”, diz a imobiliária. “Ensejando saldo devedor, até a data de 17 de janeiro de 2019, de R$ 6.193,73.”

Leia mais notas da coluna:
+ STJ julga pagamento de pensão a companheiro homoafetivo
Fernão Bracher deixa marca na história da economia do Brasil