Noite do Haiti 3

Redação

06 de fevereiro de 2010 | 06h00

Bem preparado – diferentemente do cônsul George Antoine -, o embaixador contou à coluna que conseguiu contato com Porto Príncipe nos últimos dias. Dificuldade maior? A logística de ajuda.

E defende a ajuda em dinheiro: “Assim podemos comprar no país mais próximo”

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: