No sapato

Sonia Racy

15 de janeiro de 2014 | 01h05

O deputado Domingos Dutra desistiu, no meio do caminho, de acompanhar visita da Comissão de Direitos Humanos do Senado, anteontem, ao presídio de Pedrinhas, no Maranhão.

“Aquilo estava sendo maquiado. Só deixaram a comitiva passar pelas unidades menos complicadas. Foi um grande equívoco. É preciso que se mostre o que, de fato, está acontecendo”, afirmou.

No sapato 2

Dutra, rival político da família Sarney, foi relator da CPI que investigou o sistema carcerário brasileiro entre 2007 e 2008. Segundo ele, o Maranhão não seguiu nenhuma das propostas sugeridas pela comissão – como a retirada dos presos provisórios, que são quase 60% no estado.

E concluiu: “A violência dentro dos presídios é apenas reflexo da falta de investimento na segurança pública.”

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.