No flash

Sonia Racy

30 de julho de 2014 | 01h07

O curador de arte Danniel Rangel perdeu mais de 5.500 fotos do Instagram ao ter sua conta excluída. Segundo contou à coluna, tudo aconteceu em abril, depois que ele postou imagens do trabalho de Helmut Newton– conhecido como fotógrafo dos nus.

Rangel recebeu uma mensagem sobre a postagem de conteúdo impróprio e, logo em seguida, seu perfil saiu do ar.

No flash 2

O Instagram afirmou ter “regras claras quanto à proibição de postagem com nudez” e que uma imagem que desrespeite essas normas será removida – seja depois de “denúncia de outros usuários ou a partir da constatação da infração pela própria equipe do Instagram”.

Acrescentou que Rangel foi “informado repetidas vezes sobre a violação, e a conta foi suspensa para análise”.

Após o contato da coluna, o perfil foi reativado – assim como todo seu arquivo. Mas com o seguinte alerta do Instagram: “As imagens continuam sob análise, e conteúdo impróprio será removido”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: