No Cafezinho

Sonia Racy

12 de dezembro de 2015 | 01h51

Há um tema no BTG capaz de relaxar os executivos: os incontáveis boatos sobre interessados na compra do banco. Só nesta semana, Bradesco, Itaú, UBS e JP Morgan foram citados. Ontem, as ações do BTG fecharam em forte alta.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: