No ar

Sonia Racy

15 de novembro de 2011 | 23h15

Passageiros, atenção: o clima deve esquentar. Empresas e sindicalistas começaram a discutir a porcentagem do dissídio anual dos empregados no setor de aviação. Marcado para dia 1º de dezembro.

Inicialmente, os trabalhadores pediram 15% de reajuste. Depois, baixaram para 13%, muito acima da inflação. Os patrões oferecem… a inflação: 6%.

No ar 2
No ano passado, depois de 81 dias de negociação, o Sindicato dos Aeroviários quis paralisar a categoria no dia 23 de dezembro, antevéspera do Natal. Desistiu. E um acordo foi fechado somente depois das festas, em janeiro.

A novela vai se repetir?

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: