Nem tudo flores

Sonia Racy

09 de dezembro de 2011 | 23h02

O cerimonial do casamento dos Alckmins teve de usar rosas brancas, que enfeitavam a Igreja São José, para fazer o buquê. O original não chegou ao Hotel Emiliano, onde a noiva se trocou. Resultado: atraso de uma hora e meia.

O que não atrapalhou a festa para 400 pessoas, no Jockey Club. Regada a champanhe Veuve Clicquot.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.