Não, obrigado!

Sonia Racy

10 de agosto de 2014 | 01h09

Marco Polo Del Nero – que já integra o Comitê Executivo da Fifa – não aceitou convite de seus pares da Conmebol para assumir o lugar do argentino Julio Grondona, que morreu dia 30, na vice-presidência da federação.

É que Del Nero se tornará presidente da CBF em abril do ano que vem. E prevê muito trabalho pela frente.

Afinal, a seleção precisa recuperar a credibilidade; e o futebol brasileiro, melhorar dentro e fora de campo.

Toco y me voy
A negativa de Del Nero resultou em dança das cadeiras na Conmebol e na Fifa. O uruguaio Eugenio Figueredo renunciou à presidência da organização que comanda o futebol na América do Sul – vai assumir a vice-presidência da federação.

Em seu lugar entrará o paraguaio Juan Angel Napout. Já o colombiano Luis Bedoya ficará com o lugar até então ocupado por Grondona no Comitê Executivo da Fifa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.