Não merece

Não merece

Sonia Racy

04 de abril de 2014 | 01h05

Foto: Paulo Giandalia/Estadão

Eleonora Menicucci ligou para Nana Queiroz, organizadora da campanha #eunãomereçoserestuprada, anteontem. A ministra garantiu à jornalista que o governo vai começar campanha educativa contra o assédio. As duas devem se encontrar.

À coluna, a ministra afirmou que a posição do governo Dilma é de “tolerância zero a qualquer tipo de violência contra as mulheres” e que “fortalecerá as campanhas de enfrentamento à violência doméstica e sexual”.

Não merece 2

O grupo de enfrentamento à violência doméstica, do MP de São Paulo, está acompanhando a página criada por Nana com denúncias, ameaças e incitamentos a estupros.

Em mensagens, usuários chegam a admitir ter cometido o crime mais de uma vez.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.