Não há base para queixa de Lula sobre rapidez, diz Reale Jr.

Não há base para queixa de Lula sobre rapidez, diz Reale Jr.

Sonia Racy

15 de dezembro de 2017 | 01h05

EX-PRESIDENTE LULA

EX-PRESIDENTE LULA. FOTO: GABRIELA BILÓ/ESTADÃO

Não há base jurídica para eventual queixa de Lula quanto à rapidez do processo, caso seja condenado em segunda instância pelo TFR-4, adverte o jurista Miguel Reale Jr. Se Lula recorre a esse argumento, diz o ex-ministro, “é porque já espera ser condenado.”

Fux foi contra
réus na sucessão

Mas o STF não pode derrubar a decisão e manter a candidatura? “O que sei é que o ministro Luiz Fux, que presidirá o TSE nas eleições de 2018, já deu parecer contra a presença de condenados na linha sucessória presidencial.”

Lula já terá uma condenação em primeira instância – e, eventualmente, em segunda.

Leia mais notas da coluna:

Briga é real motivo de atraso em votação de reforma

+ Salvador vai ganhar um Museu do Carnaval

Tendências: