Não há base para queixa de Lula sobre rapidez, diz Reale Jr.

Não há base para queixa de Lula sobre rapidez, diz Reale Jr.

Sonia Racy

15 Dezembro 2017 | 01h05

EX-PRESIDENTE LULA

EX-PRESIDENTE LULA. FOTO: GABRIELA BILÓ/ESTADÃO

Não há base jurídica para eventual queixa de Lula quanto à rapidez do processo, caso seja condenado em segunda instância pelo TFR-4, adverte o jurista Miguel Reale Jr. Se Lula recorre a esse argumento, diz o ex-ministro, “é porque já espera ser condenado.”

Fux foi contra
réus na sucessão

Mas o STF não pode derrubar a decisão e manter a candidatura? “O que sei é que o ministro Luiz Fux, que presidirá o TSE nas eleições de 2018, já deu parecer contra a presença de condenados na linha sucessória presidencial.”

Lula já terá uma condenação em primeira instância – e, eventualmente, em segunda.

Leia mais notas da coluna:

Briga é real motivo de atraso em votação de reforma

+ Salvador vai ganhar um Museu do Carnaval