Na ponta do lápis

Sonia Racy

24 de julho de 2014 | 01h07

Kalil Rocha Abdalla, provedor da Santa Casa, esteve no BNDES há 15 dias para discutir o refinanciamento da dívida de R$ 350 milhões. Na conversa, intermediada pelo petista Paulo Teixeira, o banco se dispôs a estudar o assunto.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: