Ecad cobra de rede varejista por uso de música ambiente

Sonia Racy

05 Abril 2017 | 01h00

O Ecad cobra da rede varejista Ricardo Eletro pagamento de direitos autorais pelo uso da música ambiente de seus estabelecimentos, desde 2015. “Apesar de o slogan do grupo ser ‘Preço pra tudo’, a empresa mostra seu desrespeito ao direito autoral ao não pagar a justa remuneração dos artistas”, afirma a instituição.

Coelhinho
Lurian Silva, filha de Lula, está vendendo ovos de Páscoa. Pelo Facebook, avisa que o preço segue o “tamanho da casquinha” – mas garante que o consumidor leva chocolate a mais no recheio. Os preços dos ovos vão de R$ 20 a R$ 50.

Haja saúde
A gim tônica está tão em alta que vai ganhar semana dedicada ao drinque em São Paulo. A Gin Tonic Week acontece de 15 a 23 de abril e já confirmou a participação de 30 bares.