Muralha paranóica

Redação

28 de dezembro de 2008 | 06h00

Cena explícita de Brasil-2008, no portão de um condomínio fechado próximo ao Parque Burle Marx, em São Paulo.

O morador chega de táxi e, para entrar na área, a portaria exige do taxista RG, foto e vistoria do porta-malas.

Recusa expressada, o morador teve de andar um longo trecho a pé, até sua casa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: