Multiplicação dos pães

Sonia Racy

20 de março de 2012 | 01h10

São Paulo está à espera de vital decisão de Guido Mantega. Kassab pediu a troca do índice que baliza sua dívida – hoje corrigida pelo IGP-DI mais 9%, algo fora da atual realidade. Quer ajuste com base na taxa básica de juros, a Selic.

Para se ter uma ideia, Mauro Ricardo Costa – secretário da Fazenda da cidade com o terceiro maior orçamento do Brasil – fez as contas da renegociação assinada por Celso Pitta, há dez anos: “São Paulo devia R$ 10 bilhões, pagou R$ 16 bilhões nesses anos todos e ainda deve… R$ 48 bilhões”.

Consta que Dilma se mostrou sensível ao problema.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: