Mudança total

Sonia Racy

09 de abril de 2013 | 01h08

Maria do Rosário fez limpeza geral: a ministra-chefe da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência determinou reformulação na equipe que trata de processos de sequestro de crianças e adoção. Objetivo? Dar tratamento mais humanizado às famílias brasileiras que procuram a autoridade.

Para quem não sabe, quando se trata de sequestro internacional, por exemplo, o caso necessariamente tem de passar pela secretaria.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: