Móveis de resina plástica brasileira em Milão

Sonia Racy

25 de março de 2014 | 11h21

Time inusitado se organiza para um lançamento mundial: Alexandre Grendene, da Grendene, Adré Esteves, do BTG, Nizan Guanaes, do grupo ABC e o designer Phillippe Starck lançam em Milão no dia 7 uma linha de móveis usando tecnologia brasileira de resina plástica.

A Grendene terá 42,5% do capital total e 50,1% do capital votante do novo negócio, que terá como sócios, além de Starck, a ABCDEFGHI Participações, empresa controlada por Nizan Guanaes, o fundo de investimentos FIP Santana, controlado por André Esteves, do banco BTG Pactual, e outros sócios com menor participação. A gestão do negócio será compartilhada entre a fabricante de calçados e Philippe Starck.

Milão foi escolhida para o lançamento pois será a sede do centro de desenvolvimento de designer da nova empresa.

Tudo o que sabemos sobre:

Grandene

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.