Moradores da Roosevelt querem carnaval livre

Sonia Racy

31 Janeiro 2018 | 00h45

Moradores da Praça Roosevelt se mobilizam em prol de liberdade e da paz durante o carnaval. “Queremos uma festa popular, democrática e livre, sem qualquer tipo de proibicionismo ou conservadorismo”, escreveu o grupo em carta que circulará pelo WhatsApp e será publicada no Facebook.

A ação é uma resposta às declarações de Marta Porta – ‘síndica da praça’, nas quais afirmou que frequentadores de blocos de Itaquera, Caieiras e Mogi das Cruzes “são pessoas mal-educadas por si só”.

“Defendemos as várias formas de cultura, lazer, de ser e de existir. Livres de raça, sexo, cor, status social”, completa o grupo.