Ministros e procuradores montam novo marco para leniência

Sonia Racy

10 de junho de 2016 | 00h56

Torquato Jardim, da Transparência, Fábio Medina Osório, da AGU, mais a Associação Nacional dos Procuradores da República se reuniram para analisar o novo marco regulatório dos acordos de leniência.

Atualmente, o compliance das empresas está disciplinado apenas no que tange à União, através de um decreto federal.

E cada Estado ou município pode editar as próprias regras. Solução que gera uma complicada diversidade de critérios para as empresas.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: