Ministro não foi chamado para reunião entre Temer e Segóvia

Ministro não foi chamado para reunião entre Temer e Segóvia

Sonia Racy

19 Janeiro 2018 | 00h40

MINISTRO DA JUSTIÇA, TORQUATO JARDIM

MINISTRO DA JUSTIÇA, TORQUATO JARDIM. FOTO: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO

Torquato Jardim não foi chamado para o encontro em que Michel Temer recebeu o Fernando Segóvia, diretor-geral da PF, na segunda-feira.

Vale lembrar que, quando o diretor foi nomeado, Jardim emitiu nota dizendo que Segóvia era escolha de Temer.

Segóvia quer evitar
polêmicas na PF

Ao apresentar, na terça, projeto de reestruturação da PF para associações, Segóvia disse que tem a intenção de priorizar somente temas consensuais dentro da corporação, composta por agentes, delegados, escrivães, papiloscopistas e peritos criminais.

Diz que não tem tempo “no cargo” para polêmicas.

Leia mais notas da coluna:

Justiça suspende leilão das linhas 5-Lilás e 17-Ouro do Metrô

PSDB avança com a organização de prévias presidenciais